5 Regras para uma dieta com baixo teor de sal

A pressão alta é um dos principais fatores que podem levar ao derrame cerebral, ataque cardíaco e falência renal com necessidade de entrada em programa de diálise.


O sal é uma das principais razões que elevam a pressão arterial. Reduzir o consumo de sal diminui doenças do coração, cérebro e rins, como também reduz a chance de câncer do estômago, osteoporose e até catarata. 

Comer pouco sal significa moderar ou abolir a ingestão de alimentos processados e industrializados. Aproximadamente 76% do sal que consumimos vêm desse tipo de alimento.

Cinco regras para uma dieta com baixo teor de sal: 



1 - Moderação no consumo de pães em geral (um pãozinho francês tem quase uma grama de sal).

2 - Queijos em geral (exceção feita àqueles queijos que têm escrito "sem sal" no rótulo).

3 - Evite os embutidos (salsicha, linguiça, salame, presunto, mortadela, etc.).

4 - Evite os enlatados e envidrados (azeitona, palmito, mostarda, catchup, maionese, ervilha ou milho em lata, atum em lata, sardinha em lata, shoyo - mesmo o light, temperos em tabletes e molhos em geral).

5 - Retire o saleiro da mesa.
 



O consumo médio de sal da população adulta gira em torno de 12 a 15g de sal por dia. Com as orientações acima conseguimos atingir as recomendações de se consumir no máximo 5g de sal por dia.

FONTE DE INFORMAÇÃO

0 comentários: